Como fazer para ter um casamento bem sucedido

Ter um casamento bem sucedido é um desejo que todos os casais compartilham, no entanto, nem sempre o relacionamento segue conforme o desejado. Por isso é muito importante que tanto o esposo como a esposa dediquem esforços para que o casamento não se torne uma convivência de tarefas, compromissos e pouca proximidade ou intimidade.

Não existe uma regra pronta ou um botão mágico que fica à disposição do casal para ser acessado sempre que as dúvidas surgirem, se fosse assim, com o tempo o tal botão ficaria obsoleto e teria de ser substituído e atualizado. Essa ideia é boa para quem gosta de filme de ficção científica, só que na vida real, nós mesmos é que temos de resolver e superar as dificuldades.

Segundo a Renata santos autora do Livro casamento de Sucesso em Pdf, descobri que o importante á avaliar se ambas as partes estão de acordo para mudanças. Se eles querem realmente ter filhos, família e serem felizes no casamento. Vale a pena destacar que é muito importante querer mudança e reconhecer o erro para que haja a busca por melhorias.

Como fazer para ter um casamento bem sucedido:

 

Não delegue seu casamento a terceiros:

Pode ser um pouco forte essa abordagem, mas é um fato muito comum que vai acontecendo aos poucos sem que o casal preste atenção.

O que isso significa? Significa que o casal deve aprender a conversar, falar sobre suas inseguranças, dúvidas, projetos e alegrias. Tudo bem que pode se abrir com uma pessoa muito amiga, com a mãe, pai ou irmãos, mas é preciso considerar que essas pessoas por amor, podem começar a dar “conselhos” que colocam o outro, marido ou mulher, na berlinda. Sendo assim, as dificuldades estarão sendo terceirizadas. Entendeu?

Respeitar as opiniões:

Saber ouvir é uma ação que o casal deve exercitar, mesmo quando o ponto de vista do companheiro (a) seja diferente do seu. Aceitar a opinião do outro é também um modo de respeitar, o que não significa concordar, compartilhar das mesmas ideias.

Compartilhar a vida com generosidade:

O cuidado com o companheiro (a) é fundamental, procurando sempre se comportar incluindo a outra pessoa nas decisões e planos. A generosidade no dia a dia deve ser uma rotina, assim como demonstração de carinho, compartilhar as tarefas e cultivar o amor com recadinhos, brincadeiras e bom humor.